Perda Auditiva-Resposta auditiva do tronco encefálico

Uma técnica fundamental no estudo da audição é a resposta auditiva  do tronco encefálico (RATE), uma técnica eletrofisiológica que pode ser usada como uma medida quantitativa de função auditiva. Estudos anteriores publicaram dados de limiares padrões do RATE para linhagens de camundongos, provendo um recurso valioso para o estudo da função auditiva padrão e para o mapeamento genético de traços auditivos em camundongos. Nesse estudo, nós expandimos mais sobre a literatura existente ao caracterizar as qualidades dos padrões da RATE de linhagens de camundongos praticamente idênticos, 47 dos quais tiveram suas características para função auditiva redefinidas. Nós identificamos vários padrões distintos déficits auditivos e provemos aberturas potenciais para investigação futura. Além disso, nós caracterizamos a sensibilidade para exposição à barulho das mesmas 100 linhagens usando trocas permanentes de limiares, identificando vários padrões distintos de sensibilidade ao barulho. Os dados resultantes provêm um novo recurso para o estudo de perda auditiva e de sensibilidade a ruídos em camundongos.

Perda Auditiva-Resposta auditiva do tronco encefálico